Mais de 100 mil pessoas já passaram pela Feira Pan-Amazônica do Livro

Contação de histórias, oficinas, lançamento de livro e acessibilidade. A programação variada da 22ª Feira do Livro, no Hangar, em Belém, tem atraído um público diversificado nesses primeiros dias de evento. Nesta terça-feira, 5, cerca de 80 crianças da Escola de Educação Infantil Jesus, da Legião da Boa Vontade (LVB), visitaram o espaço infantil da feira para acompanhar a história “Menina bonita do laço de fita”, de Maria Clara Machado, de uma forma bem musical e cheia de coreografias pelas contadoras Silvia e Giselle, que também cantaram diversas músicas infantis fazendo as crianças dançarem.

Os desafios e oportunidades na construção do pacto das bibliotecas públicas estiveram em pauta durante o segundo dia de discussões do 1° Encontro Pan-Amazônico de Bibliotecas Públicas. O encontro teve como objetivo o compartilhamento de informações, conhecimentos e boas práticas em bibliotecas públicas.

Foram discutidos temas ligados aos desafios para a inclusão e prioridade do direito à leitura na criação de políticas públicas, além de terem sido destacadas as boas práticas e ações realizadas nas bibliotecas públicas. O evento contou com a presença de representantes de diferentes países que compõem a Pan Amazônia.

Entre os convidados estavam Osmar Arouck, da Biblioteca do Senado; Sueli Ferreira, da Federação Internacional de Associações e Instituições Bibliotecárias (Ifla) e Jaqueline Gomes, que representou a Iberbibliotecas e o Ministério da Cultura. Também participaram do debate Gladys Lizana Salvatierra, da Biblioteca Nacional do Peru e Mónica Soledad Fernandez, coordenadora da Rede de Bibliotecas de Quito, no Equador.

Biizu

A jornalista Fábia Sepeda, 24 anos, gosta de escrever e costuma criar histórias de ficção. E para melhorar esse hábito decidiu participar da oficina “Escrita Criativa”, ministrada pela escritora paraense Mayara La-Rocque, de 30 anos, na programação do projeto Biizu, da Secretaria de Estado de Comunicação.

Mayara trabalhou dinâmicas e reflexões relacionadas à palavra, à linguagem e à poética. “Apresento aos participantes, ainda, textos de vários autores. Tudo isso é para que eles sejam estimulados a encontrar a sua escrita”. As oficinas do Biizu na Feira do Livro são gratuitas e vão até o próximo sábado, sempre a partir das 14h. Em quatro dias de evento, mais de 100 mil pessoas já passaram pela Feira.

Mais atrações

O ciclo de estudos preparatórios para o Enem inicia nesta quarta (6) e segue pela quinta-feira (7) no Auditório Benedito Nunes, durante a 22ª Feira Pan-Amazônica do Livro, com a presença de quatro professores convidados. O auditório tem mil lugares e não há necessidade de inscrição para participar do evento. O público alvo são os inscritos para as provas do Enem no final deste ano. Durante os dois dias serão abordados quatro matérias: inglês, literatura, matemática e português.

Nesta quarta, dia 6, as aulas terão início às 15h, com o professor Armando Moraes falando sobre o Inglês no Enem. Às 16h45 quem inicia a aula é o professor Rafael Procópio, do Rio de Janeiro, que tem um site e um canal no Youtube chamado Matemática Rio. O professor, que dá aulas pela internet, já conta com mais de 1,2 milhão de inscritos e tem mais de 75 milhões de views.

A aula de literatura será dia 7, às 15h, com a professora Neilce Santos, e logo após, às 16h45 quem entra em cena é o professor de língua portuguesa e redação Fabiano Oliveira, que mora em Alagoas, tem mais de 2 milhões de seguidores e já passou por vários teatros do Brasil com suas aulas e o projeto “Enem: eu sonho você”, que é um show no qual faz diversas paródias com músicas famosas da atualidade, ensinando assuntos bem recorrentes da língua portuguesa.

Outro destaque de quarta-feira será a presença da autora e organizadora de mais de 40 livros, Mary Del Priore, nascida no Rio de Janeiro, professora e doutora em História Social pela Universidade de São Paulo, que em 1996 defendeu o título de pós-doutorado pela Ecole des Hautes Etudes em Sciences Sociales, em Paris.

A historiadora lecionou História do Brasil Colonial na Universidade de São Paulo e na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Atualmente é professora do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Salgado de Oliveira, em Niterói. Além disso, atua como colaboradora em periódicos nacionais e internacionais. Ela participa do Encontro Literário a partir das 19h no auditório Dalcídio Jurandir e, em seguida, estará no Ponto do Autor autografando livros.

A partir das 20h30, no auditório Benedito Nunes, o público poderá conferir o espetáculo teatral Livramento conta Cascudo, da escritora, atriz e narradora de histórias Conceição Campos. A personagem Livramento narra histórias da vida e da obra de Câmara Cascudo, misturando aventuras, molecagens e feitos do escritor, professor e folclorista com alguns contos recolhidos e recriados por ele a partir da cultura popular brasileira.

A 22ª Feira do Livro vai até domingo, dia 10 de junho, no Hangar Centro de Convenções, em Belém. A entrada é gratuita e a programação completa pode ser conferida no site feiradolivro.pa.gov.br.

Comentários