Seduc entrega mais duas escolas para atender 2.482 estudantes

As salas de aula da Escola de Ensino Fundamental e Médio Professora Consuelo Coelho de Souza, em Ananindeua, já estão prontas para receber os alunos (Foto: FERNANDO NOBRE/ASCOM SEDUC)

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) entrega as obras de mais duas escolas na Região Metropolitana de Belém. Na manhã desta quarta-feira (13) será inaugurada a Escola de Ensino Fundamental e Médio Professora Consuelo Coelho de Souza, em Ananindeua, e na sexta-feira (15) a população receberá a Escola de Ensino Fundamental e Médio Jorge Lopes Raposo, no Distrito de Icoaraci.

Com um investimento total de R$ 7,5 milhões, oriundos do financiamento obtido pelo Estado no Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), as obras de reforma e ampliação dos dois estabelecimentos de ensino beneficiam 2.482 alunos, e integram um pacote de quase 100 projetos do Programa de Melhoria da Qualidade e Expansão da Educação Básica,  executado pela Seduc no contexto do Pacto pela Educação.

As obras na Escola Consuelo Coelho de Souza, localizada no bairro do Coqueiro (Rodovia 40 Horas, Conjunto Antônio Queiroz, Travessa General Osório, s/n), atendem 785 alunos, sendo 230 do ensino fundamental maior (6º ao 9º ano) e 555 do ensino médio. As aulas serão ministradas nos três turnos, e duas turmas vão receber alunos do Projeto Mundiar.

Investimentos - O Programa de Melhoria da Qualidade e Expansão da Cobertura da Educação Básica do Estado do Pará, que materializa o Pacto pela Educação (diretriz de governo que compromete instituições públicas e privadas na melhoria dos indicadores educacionais), representa um investimento de 351 milhões de dólares (57,3% financiados pelo BID e 42,7% pela contrapartida do Estado). Com recursos do Tesouro estadual estão sendo executados 30 projetos; sete com  verbas federais e 34 com o financiamento da instituição financeira internacional.

Uma parcela desses recursos - quase R$ 200 milhões -  está sendo investida em obras de infraestrutura, incluindo a reforma da sede da Seduc, as instalações do Programa Pro Paz em Santarém (oeste do Estado) e na implantação do Sistema Educacional Interativo (SEI) - ação que amplia a oferta do Ensino Médio nos municípios do interior. 

Incluindo a escola a ser entregue em Ananindeua, e a de Icoaraci, já são 74 escolas em obras, das quais apenas 10 estão na fase inicial ou aguardando entrega de Ordem de Serviço; 11 entraram na fase de contratação e mais sete esperam a liberação do processo licitatório.

Projetos pedagógicos - A Escola Consuelo Coelho de Souza é a terceira a ser inaugurada desde março. A obra contemplou a reforma e ampliação do prédio, que agora tem 13 salas de aula (três novas) equipadas com ar-condicionado; um laboratório de informática; sala de vídeo; sala de leitura; laboratório multidisciplinar e salas da diretoria, coordenação técnica, de professores e secretaria. Os alunos terão uma área de recreio coberta, e a cozinha ganhou dispensa para os alimentos e depósito.

“Essas obras têm enorme importância para a educação porque representam um momento de mudança da infraestrutura. Mas o Programa  de Melhoria da Qualidade e Expansão da Educação Básica não se reduz às obras, pois é integrado também por projetos de  gestão escolar, ensino e  avaliação”, informa a secretária de Estado de Educação, Ana Claudia Serruya Hage.

Ela acrescenta que essas obras requalificam as instalações escolares, “mas as mudanças se efetivam concretamente com a as ações pedagógicas, a formação de professores e adoção de tecnologias educacionais que estão contribuindo, efetivamente, para a melhoria dos indicadores educacionais”.

Mais municípios beneficiados - Os  projetos beneficiam os municípios de Conceição do Araguaia, Inhangapi,  Maracanã, Pau D'Arco, Salinópolis, Salvaterra, Santarém Novo, São Miguel do Guamá, Uruará, Augusto Corrêa, Breves, Juruti, Medicilândia, Melgaço, Oeiras do Pará, Ponta de Pedras, Santarém, Viseu, Acará, Baião, Castanhal, Cametá, Ipixuna do Pará,  São Caetano de Odivelas, Vigia de Nazaré, Primavera, Terra Alta, Muaná, Santa Luzia do Pará, Cachoeira do Piriá, Marapanim, Floresta do Araguaia e Santana do Araguaia. Na Região Metropolitana há obras sendo executadas em Belém, Ananindeua, Benevides e Santa Bárbara do Pará.

Comentários