Prefeitura revitaliza ponto de descarte irregular de lixo na Marambaia

Antes, o local servia como ponto de descarte irregular de lixo. Após o chamado da comunidade, uma equipe da Semma foi deslocada até a área e realizou a revitalização (Foto: Fernando Sette - Comus)

“A questão do lixo descartado irregularmente era algo que nos incomodava bastante. Porém, com a ajuda da Prefeitura e dos moradores, estamos conseguindo mudar essa triste realidade”, disse a presidente da Associação dos Moradores do Conjunto Euclides Figueiredo, Eliane Souza, após a ação de revitalização que a Prefeitura de Belém, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), promoveu na última quarta-feira, 13, no conjunto Euclides Figueiredo, localizado no bairro da Marambaia.

Antes, o local servia como ponto de descarte irregular de lixo. Após o chamado da comunidade, uma equipe da Semma foi deslocada até a área e realizou a revitalização. “As ações prometidas pelo poder público municipal estão sendo, pouco a pouco, realizadas. Isso deixa a nós, moradores, contentes”, afirmou a líder comunitária Eliane Souza.

O secretário municipal de meio ambiente, Pio Neto, informou que ainda persistem, em Belém, pontos de descarte irregular de lixo: “A gente pede a ajuda da população para que informe onde estão, como ocorreu no conjunto Euclides Figueiredo. A partir disso queremos fazer ações similares em outros locais. Essas ações de revitalização são uma das nossas prioridades”.

Outras iniciativas de recuperação de áreas foram feitas pela Semma, como na avenida Rômulo Maiorana entre as travessas Barão do Triunfo e Angustura, no bairro do Marco, e na avenida Visconde de Inhaúma com a travessa Perebebuí, na Pedreira.

O diretor do Departamento de Áreas Verdes Públicas da Semma, Carlos Maneschy, disse que as equipes de revitalização estão à disposição da população, e acrescentou que o envolvimento da comunidade é essencial para que as iniciativas ocorram. “Essas iniciativas estão dando certo. A cidade é grande, por isso peço que a comunidade nos procure cada vez mais. Estamos sempre dispostos a ajudar”, disse.

Na entrada do conjunto Euclides Figueiredo, no bairro da Marambaia, foram plantadas mudas de árvores e feita capinação, arborização e limpeza. “Esse local era complicado, tinha lixo, foco de doença. Após o trabalho em parceria com a população, esses lugares viram jardins organizados, arrumados, têm um paisagismo e se muda por completo a realidade”, destacou o chefe da Divisão de Paisagismo da Semma, Cleydson Santos.

Ações de revitalização serão feitas no mês de julho, durante o veraneio, no distrito de Mosqueiro. Estão sendo organizadas, ainda, iniciativas de educação ambiental em escolas municipais de Belém. E os serviços de limpeza urbana já realizados em praças e locais públicos serão intensificados no segundo semestre de 2018. Está em estudo um projeto que cria estações ambientais em pontos da capital. 

Os moradores de Belém que quiserem entrar em contato com Semma para solicitar ações de revitalização podem ir direto à sede da secretaria, localizada na travessa Quintino Bocaiúva, 2078, em Batista Campos, ou entrar em contato pelo site www.belem.pa.gov.br/semma.

Comentários