Prefeitura de Belém atende famílias atingidas por incêndio na Vila da Barca

A Prefeitura de Belém mobilizou uma grande força tarefa durante toda a manhã desta quarta-feira, 12, para atender as famílias atingidas pelo incêndio que destruiu aproximadamente 20 casas na Vila da Barca, no bairro do Telégrafo, durante a madrugada de hoje.

A Defesa Civil Municipal esteve no local junto com as equipes da Fundação Papa João XXIII (Funpapa), Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), Companhia de Habitação do Estado do Pará (Cohab) e Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster). Segundo o coordenador da Defesa Civil Municipal, Yan Miranda, o trabalho de atendimento às vitimas está sendo de forma integrada. "Estamos atuando para atender todas as famílias vítimas do incêndio. A Prefeitura de Belém está atuando de modo integrado, com secretarias do município e Estado, para que todas as famílias sejam atendidas", enfatizou.

A Funpapa, através do Serviço de Proteção em Situações de Calamidade Pública e Emergenciais (Sicape), trabalha na retirada da segunda via da documentação civil de cada vítima. Paralelamente, a Prefeitura de Belém vem dando o apoio alimentar e atendimento psicossocial por meio dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras e Creas), além do cadastro para o auxílio aluguel, caso necessário, enquanto a Cohab providencia a liberação do cheque-moradia para as famílias que estiverem dentro dos critérios do programa. Já a Sehab estará realizando nesta quinta-feira, 13, a partir das 10h, inscrições no programa "Minha Casa, Minha Vida", no Cras Barreiro, localizado na travessa Djalma Dutra, nº 265, entre as ruas do Una e Municipalidade.

Para Adriana Azevedo, presidente da Funpapa, o primeiro momento é o de acolhimento às famílias que passaram pelo sinistro. "Enquanto assistência, nosso papel é prestar total apoio a essas pessoas que perderam tudo. Nossa equipe estará trabalhando na identificação de todos, por meio das informações constantes no Cadastro Único (Cadúnico), para que sejam, inclusive, atendidas pelo aluguel social”, explica. “Os atingidos serão inicialmente abrigados em casa de familiares, mas a Prefeitura, por meio da Funpapa, está providenciando para que sejam incluídas em aluguel social até que sejam contemplados com moradia pelos programas de habitação. As famílias estão sendo orientadas também a procurar o Cras para outros atendimentos sociais disponibilizados pelo órgão", completou Adriana.

Os interessados em fazer doações para as famílias vítimas do incêndio devem se dirigir até o Cras Barreiro, localizado na travessa Djalma Dutra, nº 265, entre as ruas do Una e Municipalidade. As principais necessidades são roupas, alimentos não perecíveis, material de higiene pessoal e itens de enxoval para recém-nascido. O telefone de contato da Funpapa é o 98425-0174.

*Texto escrito com a colaboração de Márcia Moraes/Funpapa

Comentários