REPAROS

Bancos e lixeiras da Praça Batista Campos estão sendo reformados

Todos os 125 assentos estão sendo reformados, com troca das madeiras, parafusos e recebendo nova pintura.

Sentada em um dos bancos da Praça Batista Campos, eleita a mais bonita do Brasil pelo “Prêmio 100 Mais”, em 2005, a pensionista Maria de Belém, 62, aguarda, todos os dias, a neta sair da escola. Porém, a partir de agora, a espera ficou mais agradável.

Desde a semana passada, os bancos da praça estão ganhando cara nova, ficando mais bonitos e confortáveis. A manutenção realizada pela Prefeitura de Belém, por meio da Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan), começou na semana passada e todos os 125 assentos estão sendo reformados, com troca das madeiras, parafusos e recebendo nova pintura. Nos próximos dias, as lixeiras começarão a ser substituídas, totalmente recuperadas.  

“Esta é uma melhoria necessária para que a gente possa aproveitar melhor este espaço. Mas não basta só a Prefeitura fazer o serviço, a população também precisa zelar pelo local, senão volta a ser o que era antes”, alertou Maria de Belém.  

O autônomo Edilson Jorge Ferreira, 55, trabalha há 25 anos vendendo água de coco na praça. Segundo ele, a manutenção dos bancos é de suma importância para as pessoas que vêm fazer atividades físicas ou para visitantes que procuram o espaço em busca de lazer. “Essas melhorias fazem com o que local se torne mais valorizado. Tinha gente que chegava e não encontrava lugar para sentar porque os bancos estavam quebrados”, lembrou o vendedor.

Até o final deste ano, um processo de licitação para manutenção de mais de 1500m² de calçadas será finalizado pela Secretaria de Urbanismo (Seurb). Com a obra, será recuperado o rejuntamento, com a colocação de novas pedras portuguesas para melhorar o acesso dos frequentadores.

Segundo o secretário da Sesan, Claudio Mercês, além dos bancos e lixeiras, as equipes da prefeitura também fazem, regularmente, a manutenção dos espaços verdes da praça com roçagem e capinação. “Temos, diariamente, os trabalhos de varrição e limpeza geral. Quando necessário incluímos também a lavagem de partes da praça”, explicou o gestor.

Aos 94 anos, a aposentada Cléa Oliveira diz que não perde a oportunidade de passear na praça. “Esse clima da praça me deixa mais disposta. Venho caminhar, faço um pouco de exercício e tomo uma água de coco. Dessa rotina não abro mão. Agora, com a praça renovada, eu tô feliz da vida. Está mais confortável”, comemorou.

A Praça Batista Campos possui cerca de 6 mil metros quadrados. Recebeu o nome do Cônego Batista Campos, figura histórica que atuou de forma decisiva durante a revolução Cabana, na primeira metade do século XIX. Seu paisagismo foi inspirado no romantismo inglês, adotado no Brasil a partir da segunda metade do século XIX, inspirando obras voltadas para a natureza e para imitação de seus elementos. 

Tags

sesan

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.