Educação

Governo lança Programa Bolsa Pará para incentivar o ensino superior

O governador Helder Barbalho (e) cumprimenta o reitor da Unifesspa, Maurílio Monteiro, durante a solenidade de lançamento do Programa Bolsa Pará

"Não há uma cidade que não apresente na sua pauta o pedido de melhoria nas escolas. Nós temos que ir além da educação infantil, fundamental e de ensino médio. É preciso ir além, para valorizar o futuro educacional dos jovens", afirmou o governador Helder Barbalho, durante o lançamento do Programa Bolsa Pará nesta quinta-feira (4), em Marabá, na programação do “Governo Por Todo Pará”.

O programa - coordenado pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet) -, vai oferecer 459 bolsas de estudo em todo o Pará, por meio da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), Universidade do Estado do Pará (Uepa), Universidade Federal do Pará (UFPA), Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) e Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa). O investimento inicial no programa é de R$ 3.800.849,43. Os recursos permitirão a criação de 50 bolsas de mestrado, 30 de doutorado e 379 de iniciação científica.

No segundo quadrimestre, a partir da criação de ações de fomento, a expectativa é de liberação de valor igual ou superior, para apoiar e incentivar a pesquisa cientifica e tecnológica nas áreas consideradas relevantes e prioritárias para implantação das políticas de desenvolvimento.

"O Estado certamente será diferente se apostar em ciência, tecnologia e educação. O programa é um instrumento extraordinário, com papel fundamental para o desenvolvimento das instituições de pesquisa e ensino do Estado", disse Carlos Maneschy, titular da Sectet  e presidente da Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisa do Pará (Fapespa).

Tags

Ciência e Tecnologia Educação Marabá PorTodoOPará SECTET

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.