EDUCAÇÃO

Festa e homenagens celebram os 50 anos da escola Dr. Lauro Chaves

Toda a comunidade escolar se mobilizou para as homenagens à escola Dr. Lauro Alves

Há 50 anos foi inaugurada a Escola Dr. Lauro Chaves, na comunidade da Baía do Sol, em Mosqueiro. Ao longo dos anos, essa única escola municipal da comunidade buscou integrar a família na formação escolar e cívica dos alunos. Para fortalecer ainda mais esses laços, a escola realiza há três anos a Semana da Família, que, este ano, começou na terça-feira, 7, e se encerrou na manhã desta sexta-feira, 10.

Foi uma oportunidade de a escola conversar com pais e alunos sobre temas atuais como abuso infantil, bullying, drogas, infecções sexualmente transmissíveis e gravidez na adolescência. Além de promover um momento de diversão entre pais e filhos por meio de atividades lúdicas e esportivas.

Para encerrar a Semana, a escola realizou a comemoração do Dia das Mães com um lanche especial. A escola Dr. Lauro Chaves atende a 474 alunos da educação infantil (Jardim II) até o 9º ano. Cumprindo a missão de aproximar a família da escola, as atividades da Semana da Família tiveram a parceria da Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) e da Polícia Militar do Pará.

“A Semana da Família proporciona essa integração por meio das palestras, jogos e oficinas. Essa parceria é essencial para que alcancemos os objetivos de ter um bom desempenho para o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), de ter a participação efetiva da comunidade, por meio dos projetos sociais, para que os alunos tenham boa frequência, sem evasão escolar. Ou seja, para que a escola seja de qualidade”, explica a diretora Emmanuelle Cabral Franco, há oito anos na escola.

Homenagem - Em alusão aos 50 anos da escola, alguns ex-servidores e ex-alunos foram homenageados durante o evento. Eles contaram um pouco da sua história como estudantes, as relações de amizade que construíram na escola e os momentos de acolhida dos professores tanto no ensino, quanto em situações do cotidiano.

Rosiane Rodrigues dos Reis, de 28 anos, estudou do 2º ao 9º ano na escola, e conta que tem boas memórias da sua época de estudante. Atualmente, Rosiane cursa Jornalismo, e uma forte lembrança foi o apoio que recebeu quando descobriu, aos 15 anos, que estava grávida.

“Eu estava no último ano, quando engravidei da minha filha. E foi um choque para mim, para minha família e minhas amigas. Mas a escola sempre me apoiou, os professores me abraçaram para que eu não desistisse de estudar, continuasse e não desistisse dos meus sonhos. A escola Lauro Chaves tem um significado enorme para toda a minha família”, lembra Rosiane.

Quem confirma o cuidado da escola é a ex-aluna Fernanda Gabriela Rodrigues de Lima, de 19 anos, estudante de Medicina Veterinária. “Estou feliz de cursar Medicina Veterinária e a escola Lauro Chaves foi responsável por essa conquista. Fiquei surpresa com a homenagem e de saber que meus antigos professores ainda se lembram de mim”, conta Fernanda.

Há 23 anos, a professora Adélia Maria Valente ministra aulas de Ensino Religioso e História, e foi diretora da escola entre 2001 e 2006. “Me sinto realizada profissionalmente por poder contribuir com a educação desta comunidade. Estou feliz por ter meu trabalho reconhecido com esta homenagem”, destacou a professora.

Agência Belém - Você ficou com alguma dúvida ou tem sugestões para enviar à Agência Belém? Entre em contato conosco pelo nosso canal de divulgação das principais ações do município pelo número (91) 98027-0629. Aguardamos sua mensagem.

Tags

semec

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.