Meio Ambiente

Visitas técnicas da Semas geram treinamentos para técnicos municipais

A Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) realiza, durante os meses de maio e junho, um levantamento de informações atualizadas sobre os sistemas ambientais municipais por meio de visitas técnicas. As visitas iniciaram pelos municípios de Magalhães Barata, Igarapé-Açu, São Francisco do Pará e Maracanã, todos do nordeste do Estado. As informações coletadas serão utilizadas para a elaboração de um diagnóstico da gestão e também para identificar a capacidade de organização das secretarias municipais de meio ambiente para a execução das políticas ambientais. No final de maio, será realizado o primeiro treinamento para os técnicos do interior, que ocorrerá na capital paraense.

As visitas serão úteis para verificar necessidades locais no que se refere à formação das equipes técnicas e, também, para reforçar o papel estratégico dos municípios paraenses. Os técnicos vão receber orientações necessárias ao licenciamento ambiental, fiscalização, gestão de recursos hídricos, fortalecimento do conselho municipal de meio ambiente, formas de capacitação, dentre outros assuntos indispensáveis à gestão socioambiental.

Segundo Vinícius Silva, coordenador do treinamento promovido pela Semas, os gestores ambientais municipais vão ser treinados, para melhorar a capacidade de avaliação, indispensável para solução das questões apresentadas no dia a dia do profissional. O propósito do treinamento é a difusão de informações relacionadas ao sensoriamento remoto, especificações de procedimentos no uso das imagens e aplicações práticas dessa ferramenta no combate do desmatamento e na promoção da sustentabilidade.

“É de extrema importância para os municípios que tenham competência ambiental necessária para exercer as demandas, reconhecendo o papel de gestão de acordo com a estrutura”, avalia o coordenador do treinamento para os técnicos.

A Semas também vai capacitar, com treinamento presencial, técnicos das secretarias municipais de Marituba, Anapu, Limoeiro, do Ajuru, São Francisco do Pará, Nova Esperança do Piriá, Rodon do Pará, Santarém, Medicilândia, Benevides, Bragança, Santa Maria do Pará, Igarapé-Açu, Terra Alta, Ananindeua, Santa Bárbara, Novo Progresso, Óbidos, Curumaru do Norte e Tailândia para o uso e aplicações de imagens de alta resolução dos softwares Planet e RapidEye.

Os treinamentos começarão com duas turmas de trinta participantes. As aulas da primeira turma serão nos dias 30 e 31 de maio e da segunda nos dias 17 e 18 de junho, nos horários de 8h às 17h, no Centro Integrado de Monitoramento Ambiental (Cimam), em Belém.

Tags

SEMAS

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder