Previna-se

Ressaca? Fadiga? Pico de pressão? Saiba o que comer para ficar bem.

Confira três dicas de alimentos fáceis de encontrar, de preparo rápido e que ajudam a evitar ou vencer problemas típicos de quem gosta de beber, dorme mal e tem crises de hipertensão.

Os efeitos nocivos do álcool no organismo são agravados para quem cai na farra de estômago vazio. Um problema frequente, nestes casos, é a perda de dois tesouros do organismo humano: água e potássio, que são eliminados em maior quantidade quanto maior é a quantidade de álcool na corrente sanguínea.

Dois alimentos muito acessíveis, baratos e de fácil consumo, com variadas possibilidades de preparo, a banana e o abacate têm propriedades que ajudam a retardar a absorção do álcool e as mazelas da ressaca, ajudando os apreciadores de bebidas alcoólicas a enfrentar a jornada de prazer de que tanto gostam.

Tanto banana com abacate são ricos em potássio e têm bastante água em suas composições, ajudando a manter o organismo hidratado. Além disso, o abacate também é fonte de gordura boa e possui compostos que protegem o fígado.

Dormiu mal? Tome açaí!

Este produto muito comum à mesa do paraense é um santo remédio para quem teve uma péssima noite de sono e acordou com sensação de cansaço, mal humor ou dificuldade para se concentrar e fazer bem suas tarefas do dia. Só não pode exagerar, tomando um litro inteiro com um monte de farinha, ou vai só aguçar a preguiça.

Mas tomado com a devida moderação, o açaí é um excelente estimulante. É rico em carboidrato, nossa principal fonte de energia, e também possui cafeína, estimulante conhecido por diminuir a percepção de fadiga e aumentar as sensações de alerta, foco e energia. 

Lanchinho, sem pressão

Não é porque você tem pressao alta que ficará impedido de fazer aquele lanchinho para enganar a fome entre uma e outra refeição principal. É claro que isso deve ser feito com os devidos cuidados, já que a hipertensão atinge um a cada quatro brasileiros, segundo o Ministério da Saúde.

Todo mundo que tem pressão alta sabe que tem de reduzir o consumo de sal. Muitas das opções de snacks têm muito sódio em sua composição. Fuja deles como o diabo da cruz. A solução também é tipicamente paraense: como castanhas.

A castanha-do-pará, assim como as nozes, são ricas em magnésio, um nutriente que afasta az elevação da pressão arterial, um problema que pode levar a infartos e AVCs. Como toda oleaginosa, a castanha tem função vasodilatadora; ou seja, ao ingeri-las, você contribui para a dilatação dos vasos sanguíneos, melhorando a circulação e evitando a pressão alta.

Só tome muito cuidado porque em algumas marcas de castanhas-do-pará industrializadas os fabricantes adicionam sal. 

(Com informações dos sites sonutrição e vivabem)

Tags

Nutrição Saúde

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder