Educação a Distância

Faça cursos online sem gastar um tostão para encarar o mercado. Confira as dicas

Alguns cuidados são fundamentais para não comprar gato por lebre e para tirar o melhor proveito possível das inúmeras oportunidades de formação e aperfeiçoamento disponíveis na internet

A internet tem um verdadeiro manancial de cursos online, muitos deles gratuitos, oferecidos para quem deseja aperfeiçoar-se nas mais diversas áreas do conhecimento ou até mesmo obter formação acadêmica. Estes cursos estão disponíveis nos portais de instituições públicas e privadas, consolidando uma tendência no mercado que é o investimento na educação a distância. Não é por acaso que essa modalidade de ensino, chamada de EaD, cresceu 17,6% no país somente em 2017, segundo o último Censo da Educação. 

Antes de se inscrever em todos os cursos disponíveis, vale a pena uma rápida pesquisa sobre a empresa ou entidade que oferece a oportunidade, verificando, inclusive, se há recomendações positivas de outras pessoas que já viveram essa experiência. Outro cuidado prévio é acessar o máximo possível de informações sobre o curso, para evitar problemas futuros.

Muitos cursos ou treinamentos são feitos totalmente a distância, mas há alguns que incluem a realização de provas presenciais, o que complica a vida de quem não tem recursos ou condições para viajar, por exemplo. Há aqueles que estão abertos a quem interessar possa, mas também os que são restritos e têm determinados pré-requisitos, até de nível de formação ou domínio de língua estrangeira.

Observar a formação dos professores ou tutores responsáveis em ministrar as aulas é imprescindível para não cair em armadilhas. A formação necessária de quem ensina determinada disciplina dá maior legitimidade ao aprendizado. Não custa nada também verificar se a entidade promotora do curso tem uma base física na cidade onde você está ou em alguma cidade próxima, para o caso de resolver pessoalmente alguma futura pendência.

Aqui vão quatro dicas de cursos online e gratuitos, dadas pela jornalista Rose Maria Barbosa. Ela, que já está no time dos veteranos de sua profissão com larga experiência de mercado, não abre mão de aperfeiçoar-se para encarar os desafios dos novos tempos, em que a prática do jornalismo e suas ferramentas estão em permanente mutação. 

“Posso assegurar que essas instituições em que vivi a experiência de cursos online são bastante sérias. Além de adquirir uma gama de conhecimentos, ainda obtive certificados gratuitos”, conta Rose. “Se você pesquisar na internet vai encontrar uma variedade de outros cursos. Há até universidades públicas e privadas que oferecem cursos de extensão ou livres sem cobrar nada”, acrescenta.

“Agora, se você tem condições de investir em cursos pagos, a internet também está cheia de opções”, pondera a jornalista. “Eu mesma já fiz cursos em empresas que cobram um valor bem acessível – entre R$ 19,99 e R$ 30,00 – com direito ao certificado e gostei bastante do resultado”.

Veja as 4 dicas da Rose Barbosa:

Escola do Trabalhador (www.escoladotrabalhador.gov.br

Em abril deste ano, superou 1 milhão de matrículas. Foi criada em 2017, por meio de parceria entre o Ministério do Trabalho (hoje sob responsabilidade do Ministério da Economia) e a Universidade de Brasília. Foram 160 mil certificados emitidos pela UnB. Oferece mais de 30 cursos online na área de comunicação e afins, entre os quais destaco: “Edição e tratamento de imagens”, “Criando um negócio de sucesso” e “Comunicação escrita para o trabalho”.

Fundação Getúlio Vargas (www.educacao-executiva.fgv.br)

Uma das mais renomadas instituições de ensino do Brasil, a FGV oferece 54 cursos entre os quais “Introdução à liderança”, “Fundamentos de marketing”, “Introdução à comunicação institucional”. O curso não dá direito a certificado, mas você pode imprimir uma declaração constando a carga horária. Também precisa passar por uma avaliação final para obter o documento de conclusão.

Sebrae (www.sebrae.com.br

O Sebrae oferece mais de 30 cursos gratuitos. O foco, em especial, são as pessoas que já atuam como empreendedoras ou querem empreender. Não é permitido ao aluno fazer mais de um curso ao mesmo tempo. Também só receberá o certificado se obtiver 100% de aproveitamento.

Escola Virtual da Fundação Bradesco (www.ev.org.br)

Portal de ensino online que permite expandir o seu conhecimento de maneira acessível. A plataforma gratuita oferece curso em áreas como administração, aperfeiçoamento e comportamental, banco de dados, desenvolvimento de Aplicativos, gestão e governança e informática. Ao final do curso, se o aluno tiver um rendimento mínimo de 70% na avaliação, poderá emitir o certificado. A fundação permite acessar o certificado via QR Code.

Tags

Empregos Qualificação,

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder