Mobilidade Urbana

Didi Chuxing, rival da Uber na china, testa serviço de robotáxi em Xangai

A empresa obteve permissão do governo local para testar veículos autônomos em vias públicas do distrito de Jiading. Apesar dessa limitação, a Didi estaria trabalhando para aumentar a área de testes até o ano de 2021.

O presidente da Didi, Cheng Wei, fez o anúncio na Conferência Mundial de Inteligência Artificial em Xangai nesta sexta-feira. O evento tem como objetivo destacar os avanços da China em inteligência artificial e conta com a presença de grandes empreendedores como Elon Musk, Jack Ma e Pony Ma.

“Acreditamos que dar aos cidadãos comuns acesso a frotas autônomas compartilhadas em larga escala é a chave para alcançar nosso objetivo compartilhado de segurança, eficiência e sustentabilidade para cidades do futuro”, disse Cheng.

A empresa obteve permissão do governo local para testar veículos autônomos em vias públicas do distrito de Jiading. Apesar dessa limitação, a Didi estaria trabalhando para aumentar a área de testes até o ano de 2021.

Durante o período de testes, a empresa estaria planejando testar 30 modelos diferentes de veículos autônomos L4. Vale notar, ainda, que a sigla é utilizada no mercado de carros autônomos para indicar que os veículos conseguem transitar sem qualquer intervenção humana dentro de uma área geográfica predefinida.

A ideia inicial dos testes envolveria a solicitação de corrida por parte dos usuários do Didi Chuxing, de forma que as pessoas terão a opção de chamar um carro autônomo para levá-las até os seus respectivos destinos. Apesar de os veículos terem a capacidade de operar sem nenhum motorista a bordo, muito provavelmente haverá, sim, uma pessoa para os casos de emergência.

Fonte: Reuters

 

Tags

Aplicativos Didi mobilidade urbana RedeCarros tecnologia Uber

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder