Fita

IX Feira Internacional de Turismo busca conectar negócios na Amazônia

A ideia é oferecer, ainda, oportunidades aos investidores do setor.

Com o tema “Conectando negócios com a Amazônia”, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo (Setur), realiza a nona edição da Feira Internacional de Turismo da Amazônia (Fita). O evento tem como objetivo promover e integrar os destinos e atrativos turísticos da região, atraindo operadores e agentes de viagem nacionais e internacionais, o trade local, profissionais de comunicação e todos aqueles envolvidos com a cadeia de negócios e rede de prestação de serviços da atividade turística. A ideia é oferecer, ainda, oportunidades aos investidores do setor.

A IX Fita terá dois momentos distintos. O primeiro, chamado Módulo do Conhecimento, vai ocorrer entre os próximos dias 17 e 19 de outubro. Nesta quinta-feira (17), a partir das 19h, no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, será feito o lançamento oficial com um coquetel e palestra magna da ex-presidente da Embratur, Jeanine Pires. Nos dois dias seguintes, a programação prevê painéis de debates, palestras e networking para os participantes.

Na tarde da sexta-feira (18), os temas serão “Políticas públicas de turismo: cenário e oportunidades”, “Desafios e oportunidades da gestão descentralizada do turismo”, “Turismo sustentável e turismo de experiência – uma nova abordagem” e ainda “O legado do turismo de negócios e eventos”. Já na manhã do sábado (19), as discussões do evento englobam assuntos como “Rotas e circuitos turísticos – governança, benefícios da indicação geográfica e casos de sucesso”, “Tendências de mercado no turismo”, “Boas práticas de participação em feiras, eventos e rodadas de negócios”, “O papel da missão fotográfica na construção do imaginário turístico entre Pará e Portugal” e, por fim, a apresentação do projeto Fita 2020, pelo secretário de Estado de Turismo, André Dias.

Ainda como parte do Módulo do Conhecimento da Fita, para promover e aumentar a divulgação dos atrativos e destinos turísticos paraenses, a Setur também decidiu investir em famtours com operadores de turismo e agentes de viagem, além de press trips com veículos de comunicação, profissionais de imprensa e digitais influencers das redes sociais. Ao todo, serão realizados famtours com 12 operadoras turísticas e agentes de viagem do Brasil e exterior, como por exemplo Itália e Espanha, de 10 a 18 de outubro em Belém, Marajó e Santarém. Os press trips envolvem nove jornalistas e digitais influencers, de 10 a 18 de outubro, em Belém e Marajó.

O famtour é uma viagem de familiarização para representantes de empresas que comercializam destinos e pacotes turísticos. Já o press trip é uma estratégia para ganho de visibilidade junto ao público consumidor, ou seja, o turista que busca um novo destino para conhecer e explorar em viagens e férias.

A segunda etapa do evento será a realização da feira em si, que vai ocorrer de 3 a 5 de abril de 2020, no Hangar, com funcionamento do pavilhão de expositores, das 15h às 22h. O espaço de produtos turísticos é destinado a empresas e instituições governamentais, para exposição de produtos relativos ao turismo, enquanto que o espaço Feirão Pará se dedica às agências de viagem, a fim de comercializar seus serviços a preços diferenciados.

A programação completa inclui ainda café com o trade, palestras para o público final e a Vitrine Cultural, um espaço institucional do governo do Estado e outro para as 14 regiões turísticas do Pará, áreas de promoção e divulgação das rotas gastronômicas, Rota Amazônia (que integra Pará, Amazonas e Maranhão), Rota do Peregrino Mariano, além de praça de alimentação com a comercialização de comidas regionais para o público presente na feira.

Tags

Negócios Turismo

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder