EMPREENDEDORISMO

Cursos gratuitos da Combel são passaportes para a realização de sonhos de mulheres

"Não tenho palavras para expressar quão feliz eu fiquei ao ver a peça concluída. Parecia uma criança realizando um grande sonho", disse a professora Marcia Ferreira sobre a primeira touca de crochê produzida em um curso oferecido pela Prefeitura de Belém, por meio da Coordenadoria da Mulher de Belém (Combel).

Marcia Ferreira tem 40 anos, é professora de ciências e sempre teve o sonho de aprender crochê e conseguir confeccionar toucas para pacientes do Hospital Oncológico Infantil, em Belém. Mas antes de conseguir realizar o grande sonho, ela precisou enfrentar muitos desafios.

"Meu primeiro contato com o crochê foi aos 12 anos, em um período de férias escolares, quando a professora disse que eu nunca aprenderia crochê. Fiz outra tentativa aos 17 e para a minha frustração nem me lembrava de como se pegava em uma agulha. Com o desejo de confeccionar toucas de lã para o hospital e aprender crochê, fiz minha última tentativa, que foi quando conheci o curso da oferecido pela Combel", contou. 

Somente de janeiro a outubro de 2019, a Combel já beneficiou 1.200 pessoas com vários cursos gratuitos. Na última certificação, realizada em outubro, 200 formandos receberam certificados.

 

Leia também:

Valorização da mulher no mercado de trabalho é um dos objetivos dos cursos da Combel

Cursos da Combel proporcionam mudança de vida para os alunos
 

Oportunidade - Marcia conheceu o curso de crochê e tricô no ano passado, quando foi a uma loja no centro comercial de Belém, onde havia um cartaz informando como se inscrever. "Pensei logo: essa é a minha chance de aprender, aí fui até a Combel para me inscrever", explicou.

 

 

Após realizar o sonho, ela resolveu se qualificar ainda mais e garantir a geração de uma renda extra para a família. "Com o aprendizado inicial fui me inscrevendo em outros cursos ofertados pela Combel. As novas técnicas me fizeram produzir flores em canetas, tiaras decoradas, etc. Cada peça gerou renda extra em meu lar. Me qualifiquei ainda mais", afirmou Marcia. 

Empreendedorismo - A Secretaria Municipal de Economia (Secon), em parceria com a Combel, incentiva e orienta as mulheres empreendedoras de Belém por meio dos cursos de capacitação da Sala do Empreendedor da Secon. A Sala oferece regularmente cursos de capacitação profissional para essas trabalhadoras, com o objetivo de aprimorar as vendas e assim adquirirem a independência financeira.

"O nosso papel é promover o empreendedorismo feminino por meio de orientações e cursos em gestão de pequenos negócios, formação de preços, gestão de finanças e espaços de comercialização", explicou a coordenadora da Sala do Empreendedor e assessora técnica da Secon, Regina Vilanova.

Um ano depois do primeiro curso, após ter realizado o sonho e continuar se qualificando, Marcia reconhece as mudanças positivas que aconteceram na vida dela e dá uma dica para quem tem vontade de fazer os cursos e mudar de vida: “A Márcia de antes do curso já tinha colocado limites para não aprender essa arte que tanto admirava, ela conheceu pessoas maravilhosas que também amam artesanato e não hoje vê limites para aprender”.

“Meu conselho a todos é de que aproveitem que a Prefeitura de Belém dá essa oportunidade para nós, mulheres, sermos empreendedoras e felizes com a arte", disse.

Tags

combel

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder