ASSISTÊNCIA

Prefeitura auxilia famílias vítimas de incêndio em Fátima

Um incêndio atingiu onze casas de uma comunidade no bairro de Fátima, na rua Diogo Moia, entre as travessas 3 Maio e 14 de Abril, nesta sexta-feira, 10, segundo informações da Defesa Civil Municipal. Cinco imóveis tiveram perda total. A Prefeitura de Belém, por meio da Fundação Papa João XXIII (Funpapa) e da Defesa Civil Municipal, iniciará uma ação para prestar auxílio às famílias vítimas do sinistro.

Nas cinco casas que registraram perdas totais moravam cinco famílias vítimas, sendo nove adultos e sete crianças. E nos seis imóveis com perdas parciais vivem oito famílias, sendo 20 adultos e sete crianças. Ou seja, coforme levantamento da Funpapa e da Defesa Civil Municipal, 13 famílias foram vítimas do incêndio no bairro de Fátima.

Ainda na manhã desta sexta, uma equipe da Defesa Civil Municipal atuou no levantamento dos estragos, cadastramento e atendimento das famílias atingidas no local do incidente. “Identificamos cinco residências com perda total. Cerca de sete famílias foram atingidas, todas foram identificadas para produzirmos o laudo técnico, que garantem a elas recorrer aos auxílios”, explicou Claudionor Correia, coordenador operacional da Defesa Civil Municipal.

A equipe do Serviço de Proteção de Calamidade Pública e Emergências (Sicape) da Funpapa, que promove apoio e proteção à população de extrema vulnerabilidade atingida por situações de calamidade pública e emergencial, também estará auxiliando as famílias vítimas do acidente, com atendimento individualizado. Serão realizados também os encaminhamentos necessários para emissão de documentos dos membros das famílias atingidas, cadastro nos programas sociais o que mais for demandando.

Trabalhadores da Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan) já recolheram os entulhos produzidos pelo fogo.

Tragédia - Moradores contaram que o fogo se alastrou muito rapidamente e alcançou outras casas ao redor. A fumaça podia ser vista de longe. “Os Bombeiros demoraram cerca de 30 minutos para chegar. Está todo mundo desolado. É uma situação horrível. Perdemos tudo, só consegui salvar a minha filha e saí apenas com a roupa do corpo", contou uma das moradoras vítimas do incêndio, a dona de casa Jaqueline Fernandes.

Doações - Estão sendo coletadas doação para as vítimas do incêndio na Creche Escola Irmã Dulce, localizada na travessa Castelo Branco, 44.

Tags

defesacivil funpapa

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder