TERPAZ

'Projeto Mãe' beneficia mais de 330 gestantes com entrega de kit enxoval

A iniciativa do Estado apoia mulheres em vulnerabilidade financeira, que precisam se manter isoladas por causa da pandemia de Covid-19

Em meio à pandemia de Covid-19 as gestantes precisam manter o isolamento social para preservar a própria saúde e a do bebê. Por isso são obrigadas a esperar para adquirir itens básicos necessários aos recém-nascidos. Como parte da assistência prestada às participantes do Projeto Mãe, o Governo do Estado, por meio da Fundação ParáPaz, iniciou na tarde da última segunda-feira (15) a entrega de kits enxovais em dois polos da Fundação - um no Distrito Industrial, em Ananindeua, e outro no Iesp (Instituto de Ensino de Segurança do Pará), em Marituba, ambos na Região Metropolitana de Belém.

“Quando me ligaram pra receber o kit não aguentei de alegria. Eu tava muito ansiosa e preocupada, porque com isso tudo acontecendo não tive como sair de casa pra ver nada pro meu filho. Então, tudo isso que recebi hoje é uma das poucas coisas que tenho, mas já fiquei muito feliz”, disse Vanessa Castro, 25 anos, ao receber o kit no Polo Distrito Industrial. “Queria agradecer aos profissionais envolvidos e ao governo por essa oportunidade”, acrescentou.

A Fundação entregará 337 kits às mães, seguindo o cronograma que se estende durante toda a semana, e às recomendações necessárias para evitar aglomeração nas unidades. “Tivemos dificuldade por conta da pandemia e ficamos devendo duas semanas de curso, que tiveram que ser suspensos, assim como a culminância do projeto onde reuniríamos todas as participantes num local encerrando a edição”, contou a coordenadora do Projeto Mãe, Socorro Pereira.

Ela informou que as participantes que não compareceram à entrega podem se dirigir à sede da Fundação ParáPaz, em Belém, ou mandar alguém buscar os produtos. O kit para recém-nascido é composto por banheira, caixa organizadora, fraldas de tecido, toalha, touca, luvas, roupas (como macacão e camiseta), rede, mosquiteiro, jogo de escova de cabelo e bolsa. 

Em duas edições, o Projeto Mãe já garantiu atendimento para mais de 600 grávidas nos polos na Região Metropolitana de Belém. Por enquanto, não há previsão de inscrições para a próxima edição, devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus. 

Vulnerabilidade – O Projeto Mãe está entre as várias ações do Programa Territórios pela Paz (TerPaz), e foi criado para atender gestantes em vulnerabilidade financeira ou vítimas de violência. O projeto beneficia mulheres em 13 polos da Fundação ParáPaz, oferecendo orientação por um período de dois meses, por meio de palestras, dinâmicas e outras atividades.

Todas as grávidas cadastradas também ganham um ensaio fotográfico. Ao final de cada edição, elas recebem o kit enxoval, entregue gratuitamente pelo governo do Estado.

Tags

Covid-19 pandemia

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder