ELETRIZANTE

Retomada do Parazão tem média de mais de quatro gols por partida

Remo e Paysandu vencem pela nona rodada e Castanhal se classifica

CASTANHAL NA SÉRIE D  E PAPÃO VOANDO

A rodada começou no sábado, 1º de agosto, com três partidas. Na primeira delas, disputada no estádio do Souza, em Belém - debaixo de um sol escaldante de 9h30 da manhã -, os últimos colocados no torneio até então se enfrentaram sob a certeza de que, independentemente do resultado, não corriam mais risco de rebaixamento - isso porque, devido à pandemia, houve uma mudança no regulamento da competição. Cuadrado, Doki e Cauê anotaram os gols da vitória do Itupiranga por 3 a 2. 

Já durante a tarde, também no sábado, foi a vez de Japiim da Estrada encarar o Tapajós na Curuzu, em Belém. Até então dono da terceira melhor campanha no torneio, o time comandado pelo ídolo remista Arhur de Oliveira jogou o suficiente para carimbar o passaporte para as semifinais do torneio e, de quebra, garantir vaga na Série D do Campeonato Brasileiro de 2021. Com dois gols de Fazendinha para o Japiim e Luiz Felipe descontando para o Boto, o Castanhal venceu por 2 a 1.

Fechando os jogos de sábado, às 19h, foi a vez de o líder Paysandu entrar em campo. Com um atípico cenário de arquibancadas vazias, o Bicolor Paraense até sofreu nos minutos iniciais para encaixar o bom futebol do início da temporada mas, tudo não passou de uma aparente falta de ritmo de jogo. Comandado pelo sempre inspirado Nicolas o time alviazul aplicou uma sonora goleada sobre o Jacaré do Norte que, mesmo derrotado, ainda sonha com uma vaga na fase decisiva da competição. Além de Nicolas, Uchôa, Alex Maranhão e Vinícius Leite balançaram as redes do time visitante.

ALTOS E BAIXOS E ALÍVIO

No domingo, duas partidas fecharam a nona rodada do Parazão. Pela manhã, no Mangueirão, o Bragantino venceu o Independente por 2 a 0 e assumiu a quinta colocação com 13 pontos conquistados. Os gols do Tubarão do Caeté - sensação paraense na temporada passada -, foram marcados por Túlio e Paulo de Tárcio.

Durante a tarde, no Baenão, Remo e Águia de Marabá protagonizaram a partida mais disputada da rodada. Passando sufoco na primeira metade do confronto, o time comandado por Mazola Júnior viu o time do sul do Pará abrir o placar com Carlos Neto e, pouco tempo depois, o goleiro do time visitante segurar em dois tempos uma cobrança de pênalti de Eduardo Ramos. Para alívio da torcida azulina, um minuto depois do pênalti desperdiçado, Gustavo Ermel deixou tudo igual no placar. No final da primeira etapa o Águia marcou novamente, em um golaço de falta de Bruno Oliveira.

No segundo tempo do jogo que selou a classificação do time azul marinho, os donos da casa fizeram valer o mando de campo (mesmo sem torcida nas arquibancadas). Eduardo Ramos (duas vezes) e Douglas Packer anotaram os gols que levaram os azulinos à próxima fase. O Leão chegou aos 20 pontos conquistados - três a mais que o Castanhal e dois a menos que o Paysandu -, podendo terminar a etapa classificatória com o primeiro lugar na tabela, dependendo dos resultados de seus adversários. 

ÚLTIMA RODADA

Pela última rodada da fase de classificação do Campeonato Paraense, cinco times disputam a única vaga restante nas semifinais. Paragominas, Bragantino, Águia, Itupiranga e Independente terão duelos decisivos nesta terça, 04, e quarta-feira, 05. Lembrando que Paysandu, Remo e Castanhal já estão classificados.

Confira abaixo os jogos da 10ª rodada:

Terça (04/08)


Castanhal x Indepentente - 18h - Curuzu
Itupiranga x Paysandu - 20h30 - Mangueirão

Quarta (05/08)

Carajás x Paragominas - 15h30 - Mamazão
Águia x Bragantino - 15h30 - Baenão
Tapajós x Remo - 20h - Mangueirão  

Tags

Campeonato Paraense futebol Paragominas Parazão 2020 Paysandu Remo

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder