FUTEBOL

Remo e Paysandu entram em campo pelo jogo de ida da final do Parazão 2020

Campeão Paraense desta temporada será conhecido após duas partidas sem a presença do torcedor

Quando a bola rolar a partir das 20h desta quarta-feira, 02, no estádio Olímpico do Pará, Remo e Paysandu darão início à decisão de Campeonato Paraense de Futebol mais peculiar dos últimos tempos. Isso porque os titãs do futebol paraoara não terão seus décimos segundos jogadores nas arquibancadas. Por causa da pandemia de covid-19, a prática do futebol profissional segue sem público por tempo indeterminado em diversos lugares do mundo - o que pode empanar um pouco o brilho do confronto.

Leão e Papão se encaram hoje e no próximo domingo, 06. Os azulinos brigam pelo tricampeonato estadual consecutivo e o Paysandu, que ainda não perdeu para o rival nessa temporada, tenta se manter como o maior campeão paraense de todos os tempos, chegando ao seu 48º título. O Remo, caso erga a taça, empata com o Bicola, chegando ao 47º Parazão conquistado.

Para o confronto, tanto o técnico cicolor Hélio dos Anjos quando o azulino, Mazola Junior, devem manter a base das equipes que estão disputando a Série C do Campeonato Brasileiro. Os remistas vêm de um empate em Belém com o Vila Nova-GO (0 a 0) e os bicolores perderam para o Manaus-AM (2 a 1). Remo e Paysandu ocupam, respectivamente a terceira e a sétima colocações no grupo A da competição nacional.

Em 2020, o Paysandu vem apresentando números não tão animadores. Foram 18 jogos disputados com 10 vitórias, quatro empates e quatro vitórias. Durante esses confrontos, os bicolores marcaram 33 gols e sofreram 16. Já o Remo, com o mesmo número de jogos disputado que os rivais, alcançou 12 vitórias, empatou quatro vezes e perdeu em somente duas oportunidades. Foram 26 gols marcados pelo Leão e 16 sofridos.

Caso uma das equipes saia de campo com um resultado positivo no jogo de hoje, ficará com o título bastando empatar o duelo de volta, domingo que vem. Ainda que o mando do jogo desta quarta seja do Paysandu, não há vantagem para quem marcar mais gols "fora de casa" nas duas partidas. Entre as 'estrelas' do clássico estão o atacante Nicolas, pelo lado bicolor, e o meia azulino Eduardo Ramos - ambos têm sido xodós dos torcedores em 2020.

Tags

Eduardo Ramos futebol Nicolas PARAZAO Paysandu Remo

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder