Esporte

Talentos de Marituba têm projeção no boxe 

Dois jovens atletas vão participar de campeonatos brasileiros no mês de dezembro.

Marituba (PA) tem gerado, nos últimos anos, jovens talentos para o esporte paraense. Dois atletas deste município vão participar de campeonatos brasileiros de boxe, na categoria Elite, em São Paulo, no próximo mês de dezembro. Francielle Jamily Gregório Santos, 18 anos, vai disputar o 18º Campeonato Brasileiro de Boxe Feminino; e Michel Douglas Trindade Carneiro, 20 anos, o 75º Campeonato Brasileiro de Boxe Masculino, ambos com o apoio da Guamá Tratamento de Resíduos.

Francielle, da academia Ozzy Boxe, começou a treinar aos 13 anos. Desde então, soma 33 lutas e 32 vitórias, incluindo três títulos de campeã paraense por meio do qual teve a oportunidade de participar das seletivas para o nacional e foi classificada em 2018 e 2019, sendo que ano passado levou medalha de ouro na categoria Juvenil do 17º Campeonato Brasileiro de Boxe Olímpico.

A jovem atleta, classificada para o Brasileiro deste ano na categoria Elite, comenta que aumentou o nível dos treinos. “A minha expectativa para esse ano é a mesma que sonha todo o atleta que chega lá: o lugar mais alto do pódio e o tão sonhado ouro. Mesmo sabendo que esse ano vou estar subindo de categoria e as lutas serão mais difíceis, eu vou continuar treinando bastante, para dar o meu melhor e trazer bons resultados”, comenta.

 Paralelamente à carreira de atleta, Francielle trabalha na Guamá Tratamento de Resíduos, onde começou como Jovem Aprendiz. A empresa incentiva a evolução da jovem no esporte, apoiando sua participação no campeonato brasileiro. “Eu só tenho a agradecer a todos aqui da Guamá, que sempre me ajudam e incentivam minha carreira profissional e de atleta. Agradeço também a todos que estão comigo nessa batalha como o meu treinador Ozzy, agradecer a minha mãe e ao meu esposo, que sempre estão comigo me ajudando e me incentivando”, declara a atleta.

Fomento - A Associação Dago Fight, que fica no bairro Santa Clara, em Marituba, é um espaço de revelação de talentos do boxe como Michel Douglas da Silva Trindade, conhecido no boxe como Carneiro, que está se preparando para o Brasileiro nesta associação. Carneiro treina boxe há 6 anos na Dago Fight, alternando com outras academias do Pará. Foi três vezes campeão paraense de boxe olímpico e já participou de quatro edições do campeonato brasileiro. “Este ano estou mais confiante em uma vitória por causa das experiências que já tive nestes campeonatos e porque estou treinando com maior suporte, de manhã e à noite, na Dago Fight”, comenta Michel Douglas.

Apoio - O treinador da Associação Dago Fight, Roberto Antônio Mafra, o Dago, lembra que a Guamá apoia, desde 2018, a associação por meio do suporte de equipamentos esportivos e custeio de passagens para a participação de atletas selecionados para o Campeonato Brasileiro de Boxe Olímpico.  “Esperamos fazer uma boa luta em São Paulo e trazer essa vitória para o bairro Santa Clara, em Marituba, e o Pará. Agradecemos o apoio da Guamá, que é fundamental para o nosso trabalho social”, comenta o treinador Dago.

O incentivo ao esporte é uma das frentes socioambientais de trabalho da Guamá em Marituba. “A empresa também desenvolve ações de voluntariado, projetos nas áreas de arte-educação voltada para sustentabilidade e alfabetização com o propósito de contribuir para a conscientização ambiental, educação e incentivar novos horizontes para os jovens e seus familiares neste município”, relata Ana Rita Lopes, representante de Responsabilidade Social do Instituto Solví, braço social da Guamá.  (Solange Campos - Temple Comunicação).

Tags

Esporte

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder