AULÃO

Cursinho municipal promove revisão final para o Enem 2020

Para fechar o calendário letivo de 2020, a nova coordenação do Cursinho Pré-Vestibular Municipal de Belém (PVMB) montou um força tarefa emergencial para garantir a revisão final para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), por meio de aulões para 100 alunos, no auditório da Escola Estadual Augusto Meira, localizada em São Brás. O aulão começou nesta quarta-feira (13) e vai até (23), véspera da  última prova do Enem.

Joelma Ferreira, coordenadora do PVMB explica que a revisão será feita em duas modalidades. “Estamos com o aulão presencial para os alunos que tem a necessidade de estar no presencial e tirar as dúvidas com o professor. Além de não ter condição de acessar as aulas pelas redes sociais. Essas mesmas aulas que estão sendo dadas no presencial, estão sendo dadas gravadas para serem disponibilizadas na plataforma digital. Nesta semana vamos trabalhar Linguagens e Ciências humanas, conteúdo da primeira prova. E para, para a semana que vem, nós vamos trabalhar a o conteúdo das exatas”.

O aulão foi dividido em dois horários, o primeiro das 8h30 às 12h e o segundo das 13h às 18h, com 50 alunos cada e seguindo as recomendações sanitárias de combate à Covid-19. Alunos confirmam que o aulão presencial transmite mais confiança para a prova. Gabriela Tatiane Santana Espiríto Santos, de 19 anos, pretende cursar medicina e relata que no presencial consegue absorver melhor o direcionamento dos professores. “As aulas remotas são bem complicadas, porque a pessoa precisa saber mexer com tecnologia, tentar se concentrar. Mas fiz um esforço e consegui aproveitar ao máximo. Agora, com o presencial é ainda melhor, porque temos um direcionamento melhor para a prova. E os professores estão terminando um trabalho que começaram”.

Gabriel Nícolas de Carvalho Moraes, de 20 anos, que ainda não sabe se quer fazer medicina u enfermagem conta que também teve dificuldade com o ensino remoto. “Foi um ano diferente, mas tentei conciliar a aula remota junto com o material impresso e aproveitei ao máximo. Agora, vamos ver o resultado na prova. E com a revisão final vai dar uma força maior pra prova”.

Com a mudança de governo, a nova coordenação começará o planejamento para 2021 logo após as provas e adianta que pretende ampliar parcerias com o Governo do Estado para agregar alunos da periferia.

“Vamos reelaborar a proposta do cursinho para chegar até as periferias buscando parceria com as escolas públicas e atender esses alunos da periferia que não estão conseguindo chegar ao espaço do cursinho neste momento, muitas vezes por falta de passagem de ônibus e até por não ter alimentação adequada. Então, a nova proposta é que a gente possa dar segurança pra esse aluno conseguir estudar com toda tranquilidade. Uma das propostas também, é fazer parceria entre o Estado e município”.

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder