Cartão de visita no UFC

‘Vocês ainda vão ouvir falar muito no meu nome’, avisou o ‘Sniper’ do Pará

Francisco Figueiredo debuta com vitória dominante em Abu Dhabi e promete crescimento nos próximos desafios

A estreia do lutador paraense Francisco Figueiredo, 31, na maior organização de MMA do mundo foi com um triunfo convincente no “UFC Ilha da Luta 8: Chieza x Magny”, evento realizado nessa quarta-feira (20) em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos (EAU). Irmão de Deivson Figueiredo, o “Deus da Guerra”, o “Sniper” venceu por decisão unânime o norte-americano Jerome Rivera no peso-mosca (57 quilos). Fazendo jus ao apelido, ele conseguiu conectar golpes certeiros e também aplicou quedas no adversário, dez centímetros mais alto e na envergadura. 

Apesar do desempenho com frieza, técnica e precisão que arrancou elogios inclusive do Combate, o canal de lutas que detém os direitos de transmissão para o Brasil, o Sniper de Soure, no Marajó, ex-campeão do Jungle Fight, surpreendeu ao revelar que sentiu cansaço logo no primeiro round, mas entende que recuperou-se nos dois assaltos seguintes. 

“Na verdade, me senti muito cansado no primeiro round, o meu preparador físico estava viajando com o meu irmão para Las Vegas, já chegando na última semana [de treinos] a Belém e não consegui fazer um bom camp”, disse ele com exclusividade ao Redepará logo após o combate. 

“Não costumo cansar assim, mas no segundo round consegui recuperar um pouco e resolvi lutar na estratégia, botando para baixo para vencer”, revelou. “Eu realmente queria ter mostrado mais, tenho muito a oferecer, mas graças a Deus conquistei a vitória e isso é o que importa.”

De acordo com o paraense, que é praticante de luta marajoara, a volta  aos treinos não deve demorar, de olho no segundo compromisso no UFC nesse ano. “Vou descansar um pouco, uma semana, mas já quero voltar a treinar. É a primeira vez que luto nessa categoria, 57 [quilos], e estando com gás sou um cara muito habilidoso, tenho muitas armas para mostrar. Vocês podem ter certeza que ainda vão ouvir falar muito no meu nome”, garantiu.

Tags

Esporte Marajó UFC

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder