PANDEMIA

Sesma confirma transmissão da nova cepa do coronavírus na capital paraense

A variante brasileira do coronavírus chamada 'P.1' foi detectada em Belém. Os casos foram confirmados em análise realizada pela  equipe da Secretaria Municipal de Saúde (Sesma), em parceria com a Universidade Federal do Pará (UFPA) e o Instituto Tecnológico da Vale, que realizaram o sequenciamento de amostragens de 80 pacientes com Covid-19. Destes, oito pacientes foram confirmados com a nova variante  e uma morte confirmada na manhã desta sexta-feira, 5. A confirmação foi anunciada pelo prefeito Edmilson Rodrigues, em coletiva de imprensa.

Após a conclusão da análise da genotipagem do vírus, realizada por equipe da prefeitura, juntamente com pesquisadores da UFPA, o prefeito afirmou que nesse momento não é apenas uma preocupação, mas a existência da nova cepa é real na capital paraense.

A informação foi confirmada pelo chefe da Divisão de Vigilância da Saúde do município, Cláudio Guedes Salgado e pela coordenadora do Laboratório de Genética Humana da UFPA, a médica Andrea Kelly Ribeiro dos Santos. “Já existe transmissão da nova cepa em Belém de uma pessoa para outra", explicou Cláudio Guedes.

AMPLIAÇÂO DE LEITOS

O Secretário municipal de Saúde, Maurício Bezerra afirma que a  Prefeitura de Belém já está revisando todo plano municipal de enfrentamento à Covid-19.  Considerando a possibilidade do aumento de casos, a Sesma dobrou o número de leito para covid-19 nos hospitais, como medida preventiva, segundo explica o secretário.

No Hospital Beneficente Portuguesa, conveniado com o Sistema Único de Saúde (SUS), novos leitos de enfermaria e Unidade de Terapia Intensiva (UTI), já foram disponibilizados. Também já houve expansão de leitos no Hospital Universitário Barros Barreto, a partir de convênio com a Sesma e no Hospital Municipal Dom Vicente zico.

Edmilson Rodrigues ressaltou a importância do decreto elaborado coletivamente entre as prefeituras da Grande Belém e o governo do Estado, como forma de frear o avanço do novo coranavírus  e conscientizar a população para seguir as medidas de proteção.

Fazemos um apelo para que a população siga com os protocolos através do uso de máscaras, higienização das mãos e distanciamento”, pediu o prefeito, acrescentando que é preciso respeitar as determinações do decreto. “É pela vida e pela saúde de todos e todas”, completou Edmilson Rodrigues.

Ele reiterou, que se todo mundo cumprir sua parte, respeitando o decreto, usando máscara, higienizando as mãos, usando álcool gel, não fazendo aglomerações só assim será contido o avanço do vírus. "A prefeitura já está providenciando uma maior demanda de vacinas para que outras etapas da vacinação possam ser cumpridas o mais rápido possível. Também já disponibilizou mais leitos de UTI para que não haja todo o caos que já vimos acontecer em Manaus", informou o prefeito de Belém.

 

Tags

Coronavírus

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder