PARCERIAS

PMB e Conselhos de saúde definem distribuição de doses aos profissionais

A Prefeitura de Belém, por meio da Secretaria de Municipal de Saúde (Sesma),  e os Conselhos Regionais de Medicina (CRM),  Odontologia (CRO) e Enfermagem (Coren) definiram critérios para distribuição de doses de vacinas aos profissionais das categorias mencionadas. A Sesma informa que essa deliberação atende ao calendário de vacinação do município, que prevê a imunização dos que estão na linha de frente do combate à Covid-19, e que a vacinação nas sedes dos Conselhos foi uma demanda dos próprios profissionais, pactuada em reunião virtual entre os entes que compõem o Grupo de Trabalho, na presença do Ministério Público, instância mediadora. 

Durante a reunião, realizada na terça-feira, 09, ficou definido que serão distribuídas 300 doses para os profissionais de medicina, 300 para os de odontologia e mais 300 doses aos da área de enfermagem. Para esta etapa, que é a continuidade da primeira fase, foi firmado que profissionais de saúde com ou acima de 60 anos, que comprovem comorbidades, serão imunizados. 

O CRM entende considera justa, no momento, a distribuição de doses aos profissionais de saúde e destacou. “A expectativa de que chegando novas doses para o município, continuemos fazendo a vacinação de novos colegas. Seguiremos rigorosamente os critérios do Ministério da saúde, principalmente no que diz respeito à idade dos médicos, a presença de comorbidades e a residência no município de Belém”, afirmou o presidente do CRM, Manoel Walber Silva. Ele disse que “ficou a critério do CRM, assim como dos demais Conselhos, a elaboração de uma lista para o estabelecimento desses colegas que preencham os requisitos”. 

Atribuições - A vacinação dos médicos, odontólogos e profissionais de enfermagem ocorrerá nas sedes dos Conselhos, por meio de agendamento. Cada Conselho terá a atribuição de selecionar os grupos de profissionais para vacinar. 

De acordo com a Secretaria de Saúde, o procedimento de escolha de profissionais pelos Conselhos aumenta a transparência no processo de imunização, à medida que as próprias representações sociais, de cada categoria, apontam listas de profissionais selecionados para vacinar. 

O presidente do Conselho Regional de Odontologia do Pará (CRO), Marcelo Folha, destacou a importância da união de esforços."Eu acredito que esse trabalho tenha sido muito oportuno. Porque,  ao mesmo tempo que a classe odontológica vai ser contemplada com a vacinação, o auxílio do CRO, junto aos outros Conselhos de medicina e enfermagem, só tem a trazer benefícios à população. Belém está sofrendo muito com a pandemia e toda união de tarefas, todo esforço em conjunto, creio que realmente seja benéfico para toda população".

Pelo acordado, as sedes dos Conselhos servirão de base para facilitar o acesso ao imunizante, conforme a chegada de doses. O órgão de saúde municipal informou ainda que, o procedimento atende ao calendário de vacinação do município, que prevê a imunização dos que estão na linha de frente do combate à Covid-19. A pauta de vacinação nas sedes partiu dos próprios profissionais.

“Sabemos que ainda são poucas doses, mas acreditamos que esta ação seja só o início. O Coren-PA se coloca à disposição para que ações como esta, em prol da saúde e segurança dos profissionais de Enfermagem continuem a ser realizadas”, frisou a presidenta do Coren-PA, Danielle Cruz.

O Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito-12) se reuniu nesta quarta-feira, 10, com o secretário Maurício Bezerra, onde foi acordado a estimativa de  150 doses aos fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais. Sendo cem doses para imunizar fisioterapeutas e cinquenta para terapeutas ocupacionais.

"Nós  avaliamos hoje um quantitativo de profissionais registrados de fisioterapia e terapia ocupacional no município de Belém. De acordo com esse quantitativo vamos receber uma cota de doses para aplicar nos profissionais com mais 60 anos de idade, com  comorbidades e que ainda  foram vacinados. Esperamos contar com a Sesna para que possamos continuar tendo parcerias nesse momento específico de imunização, mas também, em outras ações que possamos desenvolver para o bem da saúde da população",  afirmou a presidente do Crefito-12, Elineth Braga Valente.

Tags

Coronavírus

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.


  • in this conversation
      Media preview placeholder