Desenvolvimento social

Horizonte Minerals e EMATER vão realizar diagnóstico socioprodutivo em comunidades em Canaã dos Carajás

Empresa investirá recursos para realizar diagnóstico socioprodutivo, em comunidades próximas ao Projeto Vermelho, que vai beneficiar 300 famílias.

A Horizonte Minerals – empresa com ações nas bolsas de Londres e do Canadá e dez anos de atuação no Pará – firma nova parceria com a Empresa de Assistência Técnica Rural do Estado do Pará (EMATER). Desta vez, a empresa assinou convênio com a autarquia estadual, na data de hoje (28/06), na sede da companhia em Canaã dos Carajás, no Sudeste paraense. Em novembro de 2022, a companhia também firmou parceria com o órgão estadual em benefício de assentamentos rurais do município paraense de Conceição do Araguaia.

Com a parceria, a empresa investe em comunidades da área de influência direta do Projeto Vermelho de Níquel e Cobalto, projeto de exploração de propriedade da Horizonte Minerals e que está em fase de estudo de viabilidade. O convênio entre Horizonte Minerals e EMATER vai proporcionar um diagnóstico socioprodutivo que abrange aproximadamente 300 famílias com posse rural nas proximidades do empreendimento.

A diretora de ESG (sigla em inglês para Meio Ambiente, Social e Governança) da Horizonte Minerals, Flávia Veronese, destaca que “é essencial realizar esse estudo com a EMATER na fase preliminar do Projeto Vermelho para que possamos desenvolver uma parceria de longo prazo com a comunidade. Esse acordo de cooperação pretende contribuir com o desenvolvimento social e econômico dos moradores, fortalecendo a produção rural local”.

Para o gerente de Relacionamento com a Comunidade, Nildo Frasão, “a parceria é fundamental para conhecer com profundidade as necessidades das comunidades próximas ao Projeto Vermelho”. “Este diagnóstico vai ajudar na adoção de ações que melhorem a produtividade desses produtores rurais, direcionando o trabalho para as vocações produtivas da região, sempre com respeito ao meio ambiente e às vocações dos comunitários”, afirma.

Além dos representantes da Horizonte Minerals, a assinatura do convênio contou com a participação do diretor técnico da EMATER em Canaã dos Carajás, Rosival Posedônio, do supervisor Regional da autarquia, Fernando Augusto Figueiredo Araújo e do Coordenador do escritório de Canaã, Mateus Sousa, além de profissionais que serão responsáveis pelo diagnóstico.

Sobre a EMATER/PARÁ

A EMATER-PARÁ é o órgão oficial de Ater do Estado do Pará que realiza serviços especializados nas áreas de ciências agrárias e humanas, difundindo conhecimentos e informações tecnológicas no meio rural.

Sobre a Horizonte Minerals

A Horizonte Minerals plc (AIM & TSX: HZM) está desenvolvendo dois projetos Classe 1, 100% de sua propriedade no Estado do Pará: o Projeto Araguaia Níquel e o Projeto Vermelho de Níquel e Cobalto. Ambos de grande escala, alto teor de níquel, baixo custo, baixa emissão de carbono e escaláveis. O Projeto Araguaia está em construção, com o primeiro metal previsto para o início de 2024. Quando estiver com as Linhas 1 e 2 em fase de produção, produzirá 29.000 toneladas de níquel por ano. O Projeto Vermelho está em fase de estudo de viabilidade e deve produzir 24.000 toneladas de níquel e 1.250 toneladas de cobalto por ano para abastecer o mercado de baterias de veículos elétricos. O perfil de produção da Horizonte Minerals, considerando os dois projetos, de mais de 60.000 toneladas de níquel por ano, posiciona a Empresa como uma produtora de níquel relevante globalmente. Os três principais acionistas da Horizonte são La Mancha Investments S.à r.l., Glencore plc e Orion Resource Partners LLP.


Tags

Desenvolvimento Social emater ESG Horizonte Minerals