Desenvolvimento sustentável

Novo modelo de gestão: Canaã é destaque em Encontro Nacional dos Municípios Mineradores

“Estamos na vanguarda em um novo modelo de gestão”, afirma Josemira Gadelha, prefeita de Canaã dos Carajás.

Na última terça-feira (19), a prefeita de Canaã dos Carajás, Josemira Gadelha, participou da abertura da 5ª edição do Encontro Nacional dos Municípios Mineradores, na cidade de Belo Horizonte - MG. A governante falou sobre a experiência canaense com a mineração e destacou a capacidade da gestão em “pavimentar caminhos para novas matrizes econômicas” por meio dos programas municipais que estão em curso. O evento termina hoje (20).

Com o tema, “Potencializando resultados e mitigando impactos”, o evento da Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil (Amig) reúne lideranças de regiões e municípios afetados pela mineração de todo o país. O encontro acontece no auditório do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais, na capital mineira.

Entre os assuntos tratados, as lideranças das cidades mineradoras discutiram a necessidade de reestruturação da Agência Nacional de Mineração (ANM). Segundo a prefeita Josemira, há décadas, a ANM perdeu infraestrutura para cuidar da atividade em todo o território nacional. “A agência detém um papel muito importante para o país, a regulação da atividade. Entretanto, faltam fiscais e protagonismo político para defender o interesse público. É necessário que os municípios se mobilizem também.”, declarou.

O fortalecimento da união dos municípios impactados pela mineração foi um dos destaques entre as pautas do evento. A prefeita, que é vice-presidente da Amig, defendeu, ao lado dos demais prefeitos, a necessidade de criação de um fórum permanente dos municípios mineradores: “trazer ideias construtivas, avançar nas políticas públicas, ampliar o repasse da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (Cfem), ter controle na fiscalização dos territórios explorados. As jazidas são únicas, finitas e pertencem ao povo. Portanto, existem muitas ferramentas de controles para se desenvolver.”, relatou.

A experiência canaense pode tornar-se modelo para os municípios mineradores

Finitude do minério. Monitoramento das atividades. Diversificação da economia. Esses três pilares da mineração nas cidades brasileiras foram discutidos durante o evento. E Canaã destacou-se por estar nos trilhos do desenvolvimento sustentável. “Criamos um fundo para destinar 5% da Cfem para financiar empreendedores locais nas mais diversas áreas: serviços, turismo, agropecuária, tecnologia, entre outras. É necessário pavimentar caminhos para novas matrizes econômicas.”, disse. Ela destacou que investimento em programas sociais também precisam andar juntos. “Beneficiamos os moradores com programas habitacionais, educacionais e na assistência.”, salientou.

Josemira comentou que é necessário que exista um acompanhamento mais próximo da atividade. “Os gestores precisam estar preparados. Os municípios precisam ter em mente o ritmo de exploração das jazidas. A Cfem é vinculada à receita dos municípios. Portanto, é preciso planejar as finanças municipais tendo em vista o mercado global e o desenvolvimento da mineração local.”, afirmou.

Josemira finalizou defendendo a necessidade de os municípios criarem secretarias de mineração para acompanhar as atividades locais. “Precisamos participar nas discussões das licenças ambientais para operação e defender, também, políticas de desenvolvimento regionais, pois os municípios no entorno das minas também são impactados.”.

Josemira Gadelha, participa da abertura da 5ª edição do
Encontro Nacional dos Municípios Mineradores

Canaã dos Carajás segue como exemplo de desenvolvimento sustentável na mineração. No último mês, a prefeita Josemira Gadelha participou de evento global de mineração para falar dos resultados obtidos nos últimos anos. A prefeita Josemira Gadelha palestrou na Conferência Internacional Amazônia e Novas Economias no dia 30 de agosto e, no dia 31, foi uma das painelistas na Expo & Congresso Brasileiro de Mineração (Exposibram). Como resultado da participação, Josemira foi solicitada por inúmeros jornalistas do país para entrevistas para detalhar o bom aproveitamento do município frente à Cfem.


Tags

Canaã dos Carajás Desenvolvimento desenvolvimento sustentável mineração