Educação financeira

Apresentações do espetáculo "A conta, por favor" foram realizadas em Belém/PA nos dias 23 e 24 de abril

Espetáculos foram realizados com o intuito de apresentar a relevância da educação financeira para jovens

O espetáculo “A conta, por favor” realizou apresentações em Belém/PA nos dias 23 e 24 de abril, em instituições de ensino da cidade. O público foi composto por jovens de 13 a 17 anos, que aprenderam um pouco mais sobre educação financeira.

Todas as apresentações teatrais foram gratuitas, de classificação livre, realizadas em escolas da rede pública, instituições sem fins lucrativos e centros culturais. Complementando a ação, foram distribuídos livretos com informações sobre o tema da peça.

A peça contou com ações de acessibilidade, como um intérprete de Libras, além de um monitor disponível para fornecer todo o suporte necessário. Ao todo, 1000 alunos foram beneficiados.

Lei de Incentivo à Cultura, o projeto “A conta, por favor” tem a produção da Scorsolino Produções, apoio da Komedi e SSP Produções, com patrocínio da Saque e Pague, e realizado pelo Ministério da Cultura, Governo Federal União e Reconstrução.

Instituições que receberam as apresentações:

EEEFM Rodrigues Pinage e EEEF Santo Afonso.

Sobre o Ministério: A principal ferramenta de fomento à Cultura do Brasil, a Lei de Incentivo à Cultura contribui para que milhares de projetos culturais aconteçam, todos os anos, em todas as regiões do país. Por meio dela, empresas e pessoas físicas podem patrocinar espetáculos – exposições, shows, livros, museus, galerias e várias outras formas de expressão cultural – e abater o valor total ou parcial do apoio do Imposto de Renda. A Lei também contribui para ampliar o acesso dos cidadãos à Cultura, já que os projetos patrocinados são obrigados a oferecer uma contrapartida social, ou seja, eles têm que distribuir parte dos ingressos gratuitamente e promover ações de formação e capacitação junto às comunidades. Criado em 1991 pela Lei 8.313, o mecanismo do incentivo à cultura é um dos pilares do Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac),que também conta com o Fundo Nacional de Cultura (FNC) e os Fundos de Investimento Cultural e Artístico (Ficarts). Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cultura.


Tags

Cultura Educação Financeira Juventude