Fortalecimento comunitário

Moradores da Resex Arióca Pruanã participam de Feira de Cooperativismo em Belém

O evento reuniu mais de 100 cooperativas paraenses e apresentou ao público as experiências, oportunidades e a diversidade no negócio cooperativo no Pará

Lideranças comunitárias da Reserva Extrativista Arióca Pruanã, na região nordeste paraense, participaram, nos dias 26 a 28 de abril, da Feira de Negócios do Cooperativismo (Fencoop), em Belém. O evento, realizado na Estação das Docas, reuniu mais de 100 cooperativas paraenses e apresentou ao público as experiências, oportunidades e a diversidade no negócio cooperativo no estado. 

“Participar dessa feira é uma experiência motivadora. No curso sobre gestão que fizemos em Oeiras nós aprendemos muito sobre cooperativismo na teoria, mas aqui estamos vendo esse conhecimento na prática. Conversando com os expositores, com gente que já trabalha nesse modelo de negócios há muito tempo, nós vimos que é possível aplicar essas experiências na nossa cooperativa da Resex”, afirmou Karolina Matos, sócia fundadora da Cooperativa Mista Agroextrativista da Reserva Extrativista Arióca Pruanã (COOMAP). 

A Fencoop é o maior evento de empreendedorismo cooperativista da região Norte. Neste ano a exposição contou com 52 estandes e 112 cooperativas, vindas de 36 municípios paraenses. Segundo os organizadores, a feira reuniu cerca de 200 expositores que apresentaram experiencias de negócios nos setores de agropecuária, crédito, consumo, trabalho e produção de bens e serviços, saúde, transporte e infraestrutura.  

A visita da Karolina e mais três integrantes da unidade de conservação ao evento ocorreu uma semana após a oficina de gestão administrativa e financeira do projeto Valorização da Floresta, realizada em Oeiras do Pará. Na atividade, promovida pelo Instituto Floresta Tropical (IFT), os participantes aprenderam práticas de gestão administrativa e financeira desenvolvidas em organizações sociais e as experiencia do associativismo e o do cooperativismo como ferramentas para o fortalecimento comunitário. 

Integrante do grupo de manejadores da Resex Arióca Pruanã, Merilene Pantoja ressaltou que a feira ajudou a ampliar a sua visão sobre cooperativismo. “A possibilidade de conhecer mais sobre esse modelo de negócios a partir das experiencias das diversas cooperativas presente aqui me animou bastante. Além de ajudar a compreender mais sobre o funcionamento dessas organizações, esse contato serviu para eu ampliar o meu olhar sobre a cooperativa da nossa Resex, principalmente em relação a confiança no processo de gestão e no fortalecimento do nosso coletivo”.
A visita das lideranças comunitárias à Feira de Negócios do Cooperativismo foi uma iniciativa do projeto Valorização da Floresta. A ação juntamente com a oficina de gestão administrativa em Oeiras do Pará tem o objetivo de capacitar os moradores da unidade de conservação sobre o fortalecimento das organizações locais e a administração e viabilidade do empreendimento florestal na comunidade. 

Valorização da Floresta

Iniciado em outubro de 2023, o projeto Valorização da floresta tem como objetivo fortalecer o manejo florestal sustentável nas Reservas Extrativistas Arióca Pruanã e Mapuá, no Pará. A iniciativa integra o projeto Sustenta Bio – aliança pelo fortalecimento das economias da sociobiodiversidade em áreas protegidas, realizado pelo ICMBio, Vale e Fundo Vale em parceria com outras organizações que atuam na Amazônia. O projeto, financiado pelo Fundo Vale, prevê estruturação da produção madeireira local, a promoção de novas cadeias da sociobiodiversidade e o fortalecimento dos planos de manejo florestal comunitários nas unidades de conservação atendidas.
 


Tags

Cooperativismo Fundo Vale IFT manejo florestal Negócios Região Marajó