Segurança Pública

Segup já identificou quatro dos envolvidos em assalto à embarcação

Agentes de segurança pública do Estado do Pará identificaram na tarde desta quinta-feira, 1 de novembro, após ouvir os depoimentos das vítimas que estavam no navio Iluminado, embarcação de passageiros e cargas que sofreu um assalto ao sair de Breves em direção a Laranjal do Jari (Amapá), quatro dos sete criminosos envolvidos na ação pirata.

A informação foi dada em entrevista coletiva à imprensa, nesta quinta-feira, pelo titular do Grupamento Fluvial, vinculado à Secretaria de Estado de Segurança Pública (Segup), delegado Dilermando Dantas, na sede do Gflu. Os quatro identificados possuem mandados de prisão preventiva por outros roubos.

O assalto ocorreu na quarta-feira (31), por volta das 18h45, quatro horas após a saída, no Rio Tajapuru, próximo à Vila Liverpool. O ataque teria ocorrido no Rio Tajapuru, região de Antônio Lemos. A embarcação foi localizada na manhã de quinta-feira (1) junto à rabetas utilizadas pelos criminosos, com bolsas e sacolas das vítimas, que empreenderam fuga para uma área de mata próxima à cidade de Gurupá, na região do Marajó.

Segundo Dilermando Dantas, os trabalhos permanecem, para que logo a quadrilha seja presa. “Os moradores da área disseram que eles continuam na mata, porque estão sem meio de transporte para se locomover e a nossa equipe, tanto da Polícia Civil de Breves, quanto da Polícia Militar, permanecem na ação. A Polícia Civil fazendo as oitivas e a Polícia Militar no cerco a esses criminosos, que foi reforçada com mais uma equipe, além de duas aeronaves do Grupamento Aéreo para dar o apoio pelo ar na localização dos criminosos”, ressaltou.

Oitenta pessoas estavam a bordo, sendo 71 passageiros e nove trabalhadores, entre tripulantes e agentes de serviços gerais. Doze pessoas foram sofreram agressões físicas e foram conduzidas para o hospital de Gurupá, sem grandes ferimentos, e em seguida receberam alta.

O Policial Civil do Amapá que pulou da embarcação ao perceber a ação foi localizado, socorrido e já se encontra ao lado da família, na cidade de Breves.

A localização da embarcação e a busca pelos acusados estão sendo feitas por equipe de policiais da Superintendência de Breves, Grupamento Fluvial de Segurança Pública (Gflu), reforçada nesta quinta-feira, com o apoio do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp).

De 1° de janeiro a 1° de novembro, 92 ocorrências de assaltos a embarcações foram registradas no Estado do Pará. Em 2018, mais de 100 pessoas já foram presas por crimes cometidos em embarcações, 28 apenas no mês de agosto.

 

Tags

Gurupá polícia civil Região Marajó segup Segurança

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.