Compromisso

Governador visita Hospital Santa Rosa, em Abaetetuba, e se compromete com a conclusão das obras

Até um poste poste de energia elétrica foi erguido dentro de uma das salas do hospital, uma construção absolutamente questionável para o governador Helder Barbalho.

Na manhã desta quarta-feira (9), o governador do Estado, Helder Barbalho, esteve em Abaetetuba, nordeste paraense, onde realizou visita técnica às instalações do Hospital Municipal Santa Rosa. Helder vistoriou as obras que, segundo a prefeitura municipal, não foram concluídas pelo governo anterior.

Com recursos do tesouro estadual, o Governo do Estado assumiu a realização de obras de reforma e ampliação do hospital.

“É lamentável que o governo anterior tenha dito à sociedade que o hospital estava pronto. A qualidade da obra de engenharia é absolutamente questionável. Mesmo antes de o hospital estar pronto, já há áreas de infiltração, poste de energia elétrica dentro de salas e não está feita a ligação do esgoto, o que é algo absolutamente imprescindível. Nós estaremos, portanto,  fazendo uma auditoria e uma análise da aplicação dessas obras, já que foram mais de 35 milhões de Reais de recursos públicos utilizados aqui”, destacou o governador Helder Barbalho.

Helder Barbalho convocou o prefeito de Abaetetuba, Alcides Negrão, os vereadores do município e o Conselho Municipal de Saúde para que, nesta sexta-feira (11), possam discutir o cronograma para a conclusão das obras físicas e a aquisição do equipamento necessário para o atendimento. O governador ressaltou ainda a importância de identificar qual o excedente de atendimento no Hospital Santa Rosa que pode ser demandado para outros municípios da região.

Transparência - A saúde foi apontada como prioridade na gestão de Helder Barbalho. “Precisamos garantir qualidade no atendimento e ter transparência na aplicação de recursos. Lamentavelmente, estamos herdando uma situação em que mais de 70% dos recursos, cerca de um bilhão de reais por ano, são gastos só com hospitais e organizações sociais, que têm sugado as finanças do nosso Estado. Estamos repactuando isso para saber gastar com eficiência, para que sobrem recursos para novas obras e novos serviços”, pontuou o governador.

“Hoje, sentimos essa esperança de que o nosso hospital realmente vai funcionar. Porque Helder Barbalho é um governador que veio, sabe e conhece. Com esse comprometimento, ele passa para a população a segurança de que é uma pessoa que quer resolver. Como gestor do município, fico muito feliz e orgulhoso, porque agora a gente tem um governador que realmente quer resolver as pendências. Temos também a questão do asfalto da cidade, já que foi assinada uma ordem de serviço e o governo passado não fez. Todos esses projetos que foram parados nós iremos discutir para tentar dar à população de Abaetetuba uma resposta através do Governo do Estado, que realmente se faz presente em nosso município”, explicou o prefeito de Abaetetuba, Alcides Negrão, o Chita.

A obra - O Hospital Santa Rosa contará com uma nova unidade de saúde, de média e alta complexidade; UTI adulto; UTI neonatal e mais cinco salas para pré-parto, parto e pós-parto. Ele foi projetado para atender oito especialidades médicas: ginecologia; obstetrícia; pediatria; clínica médica; cirurgia geral; ortopedia; nefrologia e cardiologia. Dispõe de três salas de cirurgia; seis consultórios médicos; laboratório de análises clínicas, métodos gráficos para apoio de diagnósticos e banco de leite materno.

Orla de Abaetetuba - Além do Hospital, o governador Helder Barbalho também visitou as obras de construção da orla de Abaetetuba. A convite do prefeito Alcides Negrão, o chefe do poder executivo estadual pode ver de perto o andamento do projeto, que foi viabilizado através de recurso federal quando Helder ainda era ministro da Integração.

“Fiz questão de olhar a obra para cobrar que, o quanto antes, a mesma possa estar pronta, firmemente no intuito de saber que esta região da cidade, esta orla, tão sonhada, trará benefícios para os que aqui trabalham, circulam e que pelos rios chegam. E eu estarei, junto com o prefeito, trabalhando para que não faltem recursos do governo federal neste sentido”, disse Helder durante entrevista à imprensa local.

*Com informações de Bianca Teixeira (Secom)

Tags

Abaetetuba Especial hospitais Saúde

Comentários

*Os comentários não representam a opinião do site, a responsabilidade é do autor da mensagem.